¡Adelante!

Se me parecia claro el camino
Pero ahora se me lo está oscuro.
Cómo esto llegó a sucederse
Para mí, es algo duro de comprenderse.

Aquel destino magnífico…
¿Cómo no pudo sucederme a mí?
Mi sueño ahora está roto,
Mi futuro ahora es ignoto.

¡Olvídate!¡Adelante!
No vivimos en el pasado,
Sino en mañana,
Donde Dios quiere ver nuestras hazañas.

Fábio V. Barreto

Anúncios

Sobre Fábio V. Barreto

Católico, aprendiz de escritor, ávido por conhecimento, e outras coisas mais.
Esse post foi publicado em Literatura, Poesia e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s