Metas de estudo para a vida intelectual

A vida intelectual, pela qual optei há alguns anos como projeto pessoal e que, apesar dos pesares, continua a ser por mim cultivada, só pode ser realmente frutífera de for planejada e orientada pelo amor à verdade e de modo a que o estudo não seja apenas um exercício escolar externo, mas que diga respeito a inquietações e interesses genuínos de quem a ela se consagra.

Partindo dessa premissa elaborei há um tempo um plano de metas para esta mesmo vida intelectual. Naturalmente ele pode passar por revisões, e creio mesmo que precise de alguns ajustes, mas essencialmente é este que se segue:

  • Graduação em Direito, Filosofia e Teologia
  • Mestrado em Direito Internacional Público OU Filosofia do Direito e Diplomacia
  • Estudo das  seguintes línguas, e seus níveis de profundidade:

1) Inglês (fluente)

2) Espanhol (fluente)

3) Francês (fluente)

4) Alemão (fluente)

5) Italiano (bom)

6) Latim (suficiente para ler textos jurídicos e sacros)

7) Grego (suficiente para a conversação cotidiana e ler algo dos textos clássicos de filosofia e literatura)

8)  Japonês (bom)

9)  Chinês (bom)

10) Árabe OU Hindi (bons para assuntos profissionais e ler os clássicos literários, filosóficos e espirituais da língua)

  • Estudo de técnicas de tradução, com finalidades práticas;
  • Estudo atento das seguintes áreas jurídicas:

1)   Teoria Geral do Direito

2)  Filosofia do Direito

3) História do Direito

4) Teoria Geral do Estado

5) Hermenêutica Jurídica

6) Direito Constitucional

7) Direito Internacional Público

8) Direito Comunitário

9) Direito Comparado

10)  Direito Romano

  • Estudo para ter conhecimentos ao menos regulares de Direito Penal, Direito Tributário/Fiscal, Direito Civil e Sociologia do Direito;
  • Estudo atento das seguintes áreas filosóficas:

1)  História da Filosofia

2) Filosofia da História

3) Antropologia Filosófica

4) Ética

5) Filosofia da Consciência

6) Filosofia Política

7) Filosofia da Religião

8) Retórica e Dialética

9) Metafísica

  • Estudo para ter conhecimentos ao menos regulares de Ontologia, Estética ,Lógica, Epistemologia e Gnosiologia;
  • Estudo atento das seguintes áreas teológicas:

1)  História das Religiões

2)  História do Cristianismo

3)  História do Judaísmo

4)  História do Islamismo

5) Direito Canônico

6) Sagrada Escritura

7) Teologia Moral

8) Antropologia Teológica

9) Eclesiologia

10)  Mariologia

11) Cristologia

12) Ecumenismo

13) Escatologia

14) Seitas e Movimento Nova Era

  • Estudo para ter conhecimentos ao menos regulares de Liturgia e Sacramentologia
  • Estudo da literatura universal, seguindo as lições de Otto Maria Carpeaux em sua História da Literatura Ocidental , acrescido de estudos de literaturas de outros quadrantes culturais (nomeadamente as principais obras das literaturas africanas e orientais)

Que Deus me ajude a cumprir tão vasta messe!

Anúncios

Sobre Fábio V. Barreto

Católico, aprendiz de escritor, ávido por conhecimento, e outras coisas mais.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Metas de estudo para a vida intelectual

  1. Pingback: Metas de estudo para a vida intelectual revisitadas | Bios Theoretikos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s